Edição Impressa 189

Collection by Consumidor Moderno

12 
Pins
 • 
182 
Followers

Edição Impressa 189 - MARÇO 2014 A VEZ DO CONSUMIDOR CIDADÃO Como empresas e governos podem corresponder à expectativa do brasileiro que, mais exigente, aprende a cobrar seus direitos

Consumidor Moderno
Is your brand interested in going green at trade shows? Check out this 5 tips on how to go green at your next trade show!

EM TEMPOS DE CONCORRÊNCIA ACIRRADA, O MARKETING VERDE PODE SER UM ALIADO NA DIFERENCIAÇÃO; NO ENTANTO, É PRECISO PREPARAR A SUA EMPRESA E SE COMUNICAR EFETIVAMENTE COM O CONSUMIDOR PARA CONVENCÊ-LO DE QUE ELA MERECE CONFIANÇA

Find Open Book Green Grass Over Blue stock images in HD and millions of other royalty-free stock photos, illustrations and vectors in the Shutterstock collection. Thousands of new, high-quality pictures added every day.

Edição Impressa 189 - MARÇO 2014  A VEZ DO CONSUMIDOR CIDADÃO  Como empresas e governos podem corresponder à expectativa do brasileiro que, mais exigente, aprende a cobrar seus direitos

Edição Impressa 189 - MARÇO 2014 A VEZ DO CONSUMIDOR CIDADÃO Como empresas e governos podem corresponder à expectativa do brasileiro que, mais exigente, aprende a cobrar seus direitos

Problemas logísticos afetam a pontualidade no serviço de entrega de produtos. Mas falta planejamento das varejistas para lidar com os problemas. No fim, quem paga a conta é o consumidor

ENQUANTO AS EXPECTATIVAS MÍNIMAS DO CIDADÃO NÃO SÃO ATINGIDAS NEM PELAS EMPRESAS PRIVADAS, O NÍVEL DE EXIGÊNCIA CRESCE E SE ESPALHA PELA SOCIEDADE COMO UM CLAMOR POR MUDANÇAS

É inegável que o consumidor está cada vez mais exigente, consciente de seus direitos e que usa as novas mídias como promotor ou detrator de determinado produto ou serviço. Mas será que as empresas estão preparadas para lidar com esse consumidor/cidadão?

Para o antropólogo mexicano Néstor Garcia Canclini, o consumo não é um ato irracional ou desnecessário, mas um espaço em que se organiza parte da racionalidade econômica, política e psicológica social da população. Ou seja, em cada compra o cidadão expressa sua ideologia. No livro “Consumidores e Cidadãos: Conflitos Multicanais e da Globalização”, o especialista discorre sobre os acréscimos de cidadania nas relações de consumo.

Cristina Pessôa, vendedora de livros de 46 anos, afirma que uma de suas maiores irritações no dia a dia é esperar atendimento ao telefone. “Quando acho que serei atendida e terei meu problema resolvido, a ligação é transferida e preciso explicá-lo novamente”, conta.

O CIDADÃO ESTÁ CADA VEZ MAIS EXIGENTE E APRENDE A COBRAR COM MAIS PROPRIEDADE SEUS DIREITOS ENQUANTO CONSUMIDOR. CONFIRA O QUE ESPECIALISTAS DIZEM SOBRE ESSE CENÁRIO DESAFIANTE E DE QUE MANEIRA OS LÍDERES DE GRANDES EMPRESAS CONDUZEM OS NEGÓCIOS

Em Nova York, com café barato, muitas mesas e banheiros disponíveis, o McDonald’s é opção preferencial de gente pobre, da terceira idade, estudantes ou simplesmente solitários. No inverno bravo, o McDonald’s substitui o banco do parque ou o bate-papo nas calçadas da vizinhança.